A Morte do Cordel do Pau Qubrado

Nos ultimos tempos vem rolando comentários sobre a Morte do cordel do pau quebrado, isso vem me encomodandi tanto que tive que abrir da cabeça e escrever esse artigo. Desde 2006 criado no festival de inverno de Cerro Corá por minha pessoa “Carlos Alberto Galvão Júnior" Conhecido por muitos como Júnior Caçarola e pela poetisa Geilsa Sousa tenh defendido a golpes de declamação essa arte de declamar poesia... e nunca passou pela minha cabeçã o fechameto desse grupo... o grupo a qual já teve 5 geraçãoes a qual participei como unico sobrevivente delas...
1° Geração - Junior e Geilsa;
2° Geração - Junior, Erico, Joseildo e Geilsa;
3° Geração - Junior, Marciaria e Claudesia;
4° Geração - Junior, Claudson e Jack;
5° Geração - Junior e Claudson. Como podem ver varias pessoas entrão e sairão durante esse longos 7 anos mo qual só no primeiro chgamos a fazer mais de 100 apresentações registrado no site cnagitos.com e diário de natal. Confessor que durante algums dias cheguei a se afastar do grupo mais deixando sobre os cuidados de jack que por sinal cumpril muito bem seu papel, mais não demorol muito eu voltei ao grupo em menilos de 15 dias, no final de 2012 recebi a noticia por terceiros que jack iria embora com o circo Grock, a pesar da falta que meu discipulo e amigo pessoal faz não foi o suficiente para se fazer os terminos de nossos trabalhos então digo a todos que nos acompanha a tantos anos que o CORDEL DO PAU QUEBRADO NÃO MORREU que apenas um mau entendido divulgado sem nenhum topo de consulta aos mantededores desse grupo eu e cludson, nosssa paixão pela poesia vai alem do que as pessoas achão e do que as pessoas esperam até porque nos não só dleclamamos mais como também escrevemos. Estamos com o 1°CD do grupo para ser lançado ainda esse ano se as finansias nos permitir não só com poesias nossas como de coroné cafuçu, antonio franciaco... ENTÃO POR FAVOR PROPAGUEM ESSA MENSAGEM para que eese mau entendido caudos pelos nossos propios amigos que por inocencia e interpretação erronha de seus propior pensamentos cometerão. JUNIOR CAÇAROLA 1° E UNICO SOBREVIVENTE DE TODAS AS GERAÇÕEA DO CORDEL DO PAU QUEBRADO




O Grupo de Teatro Netota Cordel do Pau Quebrado realizou neste sábado dia 26/08/2011, mais uma apresentação. Dessa vez foi na inauguração do mais novo espaço de teatro da cidade de Currais Novos, o espaço AVOANTE. Que teve como programação dois de dias para sua inauguração, sendo que no dia 26/08 se apresentaram os grupos: Caçuá de Mamulengos, choro Cangaia, Allan Nascimento e o grupo Netota Cordel do Pau Quebrado.
Nessa apresentação o grupo teve presença de todos os integrantes Jack, Caçarola e Claudson. Vale ressaltar um fato importante que o componente Júnior Caçarola nessa apresentação, se afastou por um tempo por motivos pessoais, mas o próprio Caçarola afirmou: - Estou precisando dar um tempo, nas últimas apresentações tenho ficado sem voz, preciso me cuidar”. Sendo assim o grupo sofreu um desfalque, mas o Caçarola ainda continua com a gente só que agora está dando o suporte por fora nas apresentações. Torcemos muito que Caçarola melhore e volte a fazer o que defendemos com unhas e dentes que é “manter a literatura de Cordel viva”.

Salustiano Medeiros


Nesse dia 01 de setembro realizou-se mais uma apresentação do Cordel do Pau Quebrado. A apresentação foi na antiga escola que Jack estudava o Salustiano Medeiros, onde o próprio fez o recital de poesias, tendo como pauta os seguintes cordéis: Os animais tem razão, Brincadeiras de Infância, Paisagem do Interior e Conversa de Manicure. Jack também falou um pouco sobre o que é a literatura de cordel. Vale ressaltar a receptividade dos alunos e sua atenção ao ouvir as histórias contadas em versos, mostrando assim que a literatura de cordel pode continuar se mantendo viva e rica nas mãos dessas jovens crianças que ao se deparar com o cordel se encanta de maneira bela.

Trindade Campelo.


Nesse dia o Grupo de Teatro Netota Cordel do Pau Quebrado representado pelo o declamador Jack, fez uma apresentação de recital poético na escola Trindade Campelo. O público alvo foram às crianças, onde o Jack recitou poemas entre eles: - Os animais tem razão e Meu Sonho de Antônio Francisco, Conversa de Manicure e Paisagem do Interior de Jessier Quirino e Brincadeiras de Infância Do próprio declamador. Vale ressaltar a receptividade da escola e dos alunos, que ao se depararem com o recital se encantaram.

Unica Master


Nesse dia novamente o grupo Cordel do Pau Quebrado representado por Jack, fez uma breve apresentação na escola particular UNICA MASTER, pra os alunos que faziam uma feira de arte, onde o tema era a literatura de cordel. O Jack recitou Conversa de Manicure de Jessier Quirino e Meu Sonho de Antônio Francisco e finalizou a apresentação recitando um cordel “ Sina de Um Vaqueiro” feito por duas alunas da escola.

III Conferência Estadual Segurança Alimentar e Nutricional

Um apresentação majestosa do Grupo Netota do Pau Quebrado e Grupo Cangaia deixou os participantes emocionados, no encontro de preparação para a III Conferência  Estadual Segurança Alimentar e Nutricional, que aconteceu no último dia 18 de maio, na cidade de Cerro Corá.

A performance de Junior Caçarola, Jack Leidson e Claudson Faustino, acompanhado do Grupo Cangaia, recitou poesias de Antonio Francisco, Jessié Quirino, além de produções próprias, entre elas: “Os animais tinha razão ou os 7 Constituintes”, Menina abra do oio pra coisa do meu Sertão”, “A casa que a fome mora” e encerrando a apresentação “Paisagem do interior”.

O Cordel do Pau Quebrado comemora esse ano 7 anos de existência e faz apresentações, unindo poesia popular e chorinho, em todo Estado e na região Nordeste. O grupo atualmente é referência em poesia de cordel, e já foi destaque em programas em rede nacional, como a TV Brasil.
 
 
Por Fátima Souza - Da Redação em 19/05/2011
Fotos: Fátima Souza

GRUPOS DE ARTISTAS PRODUTORES DA CASA DE CULTURA POPULAR DE CURRAIS NOVOS

Nós grupos de artistas atuantes na Casa de Cultura de Currais Novos/RN, queremos através destas linhas expressar nossa preocupação, nossa tristeza  e indignação com a forma em que as pessoas vêm sendo nomeadas ”Agentes culturais” para este estabelecimento de cultura.
A nosso ver, todos estes “agentes culturais” os quais vêm ocupando este cargo de tão grande valia para o desenvolvimento cultural de nossa cidade, desde a fundação da Casa de Cultura Popular Palácio do Minerador, fundada em Junho de 2004, não vêm correspondendo com as perspectivas de um desenvolvimento cultural. Pois um foi oportunista, outro descuidado, por fim, um autoritário inconseqüente, todos incapazes.
Até quando esta instituição cultural ficará a mercê de sujeitos autoritários, sem o menor tato e sensibilidade para lidar com o universo da arte? Até quando estes cargos “Agentes culturais” que deveriam concorrer para o desenvolvimento artístico cultural, serão tratados como simples moeda de troca em acordos político, os quais visam interesses ocultos que nada contribuem para o avanço cultural?
Enquanto isso nós artistas, os verdadeiros agentes e produtores culturais, somos prejudicados, subjugados, correndo ainda o risco de perder o espaço (Casa de Cultura Popular), o qual contribui de forma determinante para a produção de nossas atividades culturais como: a música, o teatro, as artes plásticas, o artesanato, o mamulengo, etc.  
O absurdo é um “Agente cultural” nunca ter participado ou contribuído com movimento cultural algum. Estranho é um “Agente cultural” não saber a diferença ente ateliê de produção e uma sala de exposição de artes plásticas. Inacreditável é um “Agente cultural” não saber o que significa a palavra “mamulengo”, quanto mais a importância desta expressão artística tão tradicional em nosso meio.  Preocupante é a forma desastrosa e arrogante, como tal “agente cultural” trata este grupo de artistas que, independente dos casos dos fatos contidos neste relato, continuarão com os violões, pincéis e as tintas, com as caras pintadas e figurinos esfarrapados, produzindo e esperando dias melhores.

Evento de Capacitação para o Sistema Nacional de Cultura

Numa iniciativa do SEBRAE-RN, foi realizado hoje 04/05 uma oficina de sensibilização à adesão ao Sistema Nacional de Cultura para a região Seridó do Rio Grande do Norte.  Tiveram como parlestantes e temáticas: Josenilton Tavares - Impactos e transformações decorrente do SNC no município; Ilana Félix - Aspectos técnicos e jurídicos sobre o SNC e Maria Tereza de Oliveira - Constituição de um conselho de cultura. A mediação foi por Esso Alencar. Os horários foram das 10h30 a 12h30, das 13h30 a 16h00, das 16h15 a 19h00. O evento aconteceu em Currais Novos, na Associação dos Municípios da Microrregião do Seridó Oriental que merece destaque pela excelente infraestrutura e organização. A região compareceu enviando 34 gestores e representantes de diversos municípios, dentre eles: Currais Novos, Cerro Corá, Lagoa Nova, Carnaúba dos Dantas, Ipoeira, Acari, Equador, Jardim de Piranhas, Cruzeta, São João do Sabugi; e Santa Cruz, que não foi à oficina da região Agreste, mas aproveitou a do Seridó. Diante disso, o membro do Grupo Teatral Netota Cordel do Pau Quebrado, Claudson Faustino, participou como ouvinte e representante da cultura de Currais Novos - RN.

Fonte: Ilana Felix

IV EEC - IV Encontro Estadual de Cultura



No dia 30 de Abril de 2011 ocorreu o IV EEC - IV Encontro Estadual de Cultura, na cidade de Currais Novos-RN no Campus do IFRN - Instituto Federal do Rio Grande Norte.  Foram convidados vários grupos de danças, teatros, capoeira, pintores, desenhistas e outros.  Representando várias cidades do interior do Rio Grande do Norte.  Houve debates em torno da nova lei de incentivo a cultura e apresentações artisticas. Não houve taxa de inscrições. E no final teve entrega de certificados para os participantes. E o grupo Teatral Netota Cordel do Pau Quebrado contribuiu com uma apresentação na abertura do evento.

Foto: A voz do Estudante

Cordel do Pau Quebrado: Agenda - Cordel do Pau Quebrado - Auditorio No IFR...

Cordel do Pau Quebrado: Agenda - Cordel do Pau Quebrado - Auditorio No IFR...: "Nosso grupo vai estar na cidade de Currais Novos/RN no auditorio do IFRN, onde vamos declamar poesias como 'Conversa de manicure, Os Animais..."

Agenda - Cordel do Pau Quebrado - Auditorio No IFRN

Nosso grupo vai estar na cidade de Currais Novos/RN no auditorio do IFRN, onde vamos declamar poesias como "Conversa de manicure, Os Animais tinhão razão, Paisagem de Interior, Menino abra de olho para as coisas do meu sertão, Brincadeiras infancias... entre outras... e teremos a participação do grupo de choro cangaia" http://grupocangaia.blogspot.com/ passeiros de muitas batalhas.

TV Brasil - No Roteiro do Seridó

Na quinta-feira 2/12/2010, a equipe da TV Brasil, ligada ao governo federal, se despediu do Seridó ao som do grupo de choro “Cangaia” e da poesia matuta do Grupo de Teatro “Netota Cordel do Pau Quebrado”, na Casa de Cultura.
Na passagem pelo Seridó o grupo pôde conhecer um pouco de todas as atrações que a região oferece, entre elas as belezas naturais, de Gargalheira, e a “pega do boi”, em Acari; as inscrições rupestre e o castelo medieval, em Carnaúba dos Dantas; a comunidade quilombola Negros da Boa Vista, em parelhas; a arquitetura preservada de Jardim do Seridó; a fabricação de queijo, em Caicó; o bordado de Timbaúba dos Batistas; Além das belezas naturais e o frio da Serra de Sant’Ana. “Não conhecia essa região, mas é muito interessante e tem paisagem com formações rochosas belíssimas”, disse o repórter Hebert Henning.

Ô MISTURA BOA!!


Se você ainda não experimentou, precisa!!

Choro com Cordel é uma mistura que está dando o que falar. Essa ideia teve início já há algum tempo, foi quando o Cordel do Pau Quebrado, atravéz da ilustríssima figura do Júnior Caçarola, convidou o nosso grupo para fazer fundo musical numa de suas aprentações. A coisa deu tão certo que para onde vão levam o Cangaia de "cangaia". Foi assim neste dia 18/11. Nós e o Pau Quebrado abrimos um evento lá na UFRN. A recepção foi maravilhosa. Agradecimentos ao público que nos prestigiou, ao Claudson, por ter "ajeitado" tudo, e a Profª Kaká Araújo pelas fotografias. Foi um enorme prazer para gente!!

É isso aí! música e literatura popular contribuindo para a pertuação de nossa cultura.

fotos: Profª Kaká Araújo

BREVE EM CENÁRIO NACIONAL!!

Currais Novos recebeu ontem a visita da equipe da TV Brasil. Eles estavam rodando todo o nordeste documentando grupos que promovem a cultura. Infelizmente, não dispunham de tempo suficiente para conhecerem todos os artistas de nossa cidade. Sobrou para os grupos Choro Cangaia e Cordel do Pau Quebrado representar toda essa galera. Não sabemos se cumprimos bem o papel, mas acreditamos que essa oportunidade serviu muito aos propósitos de todos que persistem em levar cultura à população seridoense. O programa Paratodos, vai ao ar nos sábados às 19:30, na TV Brasil. A partir de janeiro provavelmente já estaremos nas telinhas. Agora é só aguardar!
Fotos: Fátima Souza

Rapel no Açude Gargalheiras é destaque no roteiro de aventura do Seridó

Para divulgar os roteiros de aventura e ecoturismo do Seridó, o governo do Estado, através da Empresa de Promoção do Turismo (Emproturn), e o SEBRAE-RN, com apoio das agências de turismo Tempo de Aventura e Vitória Régia Turismo, realizou no início de setembro um trip press (viagem para jornalistas e operadores) para conhecerem as potencialidades daquela região.
O destaque do roteiro foi o rapel no açude Gargalheiras, em Acari, além da visita à Mina Brejui, em Currais Novos. Participaram jornalistas de São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro e Recife. As operadoras convidadas foram Ambiental Expedições e Freeway Ecoturismo, ambas de São Paulo.

O Seridó na Rota do Turismo

Conhecer os atrativos turísticos do Rio Grande do Norte, esse foi o objetivo da vinda de um grupo de operadores de ecoturismo e jornalistas de grandes veículos nacionais, trazidos pela Emprotur com o apoio do SEBRAE, prefeituras e empresários, que desembarcaram nesta semana (08 a 12/09/10) no estado potiguar.

Com a interiorização do turismo, e como não poderia ser diferente, o Seridó também esteve no cronograma dos visitantes. Eles passaram dois dias no interior do Estado, para conhecer as belezas naturais, a cultura única, o esporte de aventura e a gastronomia típica.

Grupo Cordel do Pau Quebrado apresenta espetáculo com mensagem de incentivo à leitura

Comédias para se Ler na Escola é o espetáculo que está sendo apresentado em Currais Novos pelo Grupo de Teatro Netota do Cordel de Pau Quebrado. De acordo com o líder do grupo, Júnior Caçarola, o espetáculo é uma adaptação de uma antologia de crônicas de Luís Fernando Veríssimo. Os membros do grupo releram durante meses a seleção de crônicas. A idéia da encenação é despertar nos estudantes o prazer e a paixão pela leitura. O resultado pode ser conferido no espetáculo, uma excelente e feliz combinação de talentos. A apresentação teatral é um incentivo à leitura de forma lúdica. O grupo se apresentará na próxima sexta-feira, dia 26, às 19 h, na Casa de Cultura Popular.

Ana Paula

Cordel do Pau Quebrado em nova performance

Um dos mais conhecidos poetas populares do Brasil, o paraibano Jessier Quirino se autodenomina: “Eu sou arquiteto por profissão, poeta por vocação e matuto por convicção”. É essa matutice que gera uma das melhores expressões da cultura nordestina: A poesia Matuta.
Nesta linha o nordestino é imbatível, com nomes como Ariano Suassuna, Antonio Francisco, Patativa do Assaré e Coroné Cafuçu, só para citar alguns. Unindo a poesia matuta, teatro, expressão corporal e uma boa pitada de humor, surgiu em 2006, na cidade de Cerro Corá, o grupo teatral Cordel do Pau Quebrado.
Apesar do pouco tempo de estrada, o grupo tem no currículo apresentações memoráveis em todo Estado. O projeto de montar o grupo nasceu depois que o então prefeito João Batista da "Terra do Festival de Inverno, surgeriu a idéia. O sucesso foi imediato. Recitando e interpretando poesias matutas memoráveis como Paisagem do Interior, de Jessier Quirino, o Cordel do Pau Quebrado agradou muito, daí por diante, surgiram os convites para se apresentar eventos culturais como a entrega do Prêmio Cosern de Literatura, durante a Feira do Livro, em Mossoró.

O GRUPO



O GRUPO TEATRAL CORDEL DO PAU QUEBRADO esta aumentando sua credibilidade ao seu publico e vem sendo requisitado para varias apresentações onde completou sua 106º apresentação com as poesias (Paisagem de interior, Quatro avemaria bem cheia de graça, Manicure fofoqueira, Virgulino Lampião deputado federal poesias do poeta Jessiêr Quirino, o grupo tem com objetivo principal levar e recuperar a pratica da leitura dos livretos da literatura de cordel.

-------------------
O NOME
-------------------



O nome CORDEL DO PAU QUEBRADO foi uma mistura dos nomes "Cordel do" tirado da banda Cordel do Fogo Encantado, "Pau" da Banda Pau e Corda e fazendo a junção de "Cordel do" + "Pau" + "Quebrado" deu-se origem ao Nome GRUPO TEATRAL CORDEL DO PAU QUEBRADO.
-------------------
ORIGEM DO GRUPO TEATRAL CORDEL DO PAU QUEBRADO
-------------------



O GRUPO TEATRAL CORDEL DO PAU QUEBRADO deu origem através de uma idéia dada pelo prefeito de CERRO CORÁ "João Batista de Melo filho", onde ele lançou a proposta de se trajar e fazer o recital num dos maiores eventos de cultura da região seridó FESTIVA DE INVERNO DE CERRO CORÁ/RN dês de la viajamos pra varias cidade, entre elas estão São Vicente/RN, Currais Novos/RN, São José do Seridó/RN, São José do Minpibu/RN, Cerro Corá/RN, Natal/RN, Mossoró/RN, Brasília/DF, Rio de Janeiro/RN e Recife/PE.







-------------------
OUTROS TRABALHOS
-------------------


II Auto de Natal de Cerro Corá
O grupo Teatral Cordel do Pau Quebrado Fecha 2007 com chave de ouro, realizando o II Auto de Natal de Cerro Corá onde teve a direção geral de Júnior (Caçarola), Iluminador Francesco, Sonoplasta Letto, Assistente de direção Regiane Simões.
O II Auto de Natal de Cerro Corá contou com um elenco de 17 pessoas entre educadores e alunos de escolas publicas de nosso municipio. Teve patrocinio total da Prefeitura Municipal de Cerro Corá /RN...



O grupo também realiza outro trabalha fora do recital poético como, a capacitação de novos artistas onde tivemos como capacitadores o Grupo Cumbuca Teatral & CORDEL DO PAU QUEBRADO tendo como resultado o AUTO DE NATAL DE CERRO CORÁ, e formando multiplicadores do teatro. Tivemos no dia 31/03/2007 realizando um micro oficina de teatro na cidade de São Vicente/RN onde pessoas tiveram o prazer de conhecer o teatro Netota criado pelo CORDEL DO PAU QUEBRADO. O teatro Netota é uma mistura de teatro moderno com poesia de cordel e técnicas de capoeira angola e danças afro onde o Atores/Atrizes são narradores e personagem ao mesmo tempo, dando também a liberdade do grupo apresentar-se com um ou todos os Atores/Atrizes. Neste festival de inverno em Cerro Corá tivemos mais dois resultados de nosso trabalho com a apresentação do "OS ANIMAIS TINHÃO RAZÃO" de Antônio Francisco e "MÃES ÓRFÃS", que fez o maior sucesso de critica entre o povo de Cerro Corá/RN.

-------------------
O QUE PRETENDEMOS
-------------------
Fundar uma associação para buscar fundos para manutenção do grupo e criação de uma sede fixa onde poderíamos realizar outro trabalho, dando continuidade as oficinas continua de teatro.
-------------------
AGRADECIMENTOS
-------------------

Agradecemos as pessoas que apoiou nossas idéias como O CASARÃO DE POESIA, INOVA BOOKSTORE, CACTUS, MODA EM COURO, PREFEITURA MUNICIPAL DE CERRO CORÁ, A PORFESSORA ANA MARCEDO, FUNDAÇÃO JOSE BEZERRA GOMES, E EM ESPECIAL A TOINHA DO TALHER POTIGUA, A QUAL TEM SENDO UMA MÃE PARA NOS, AGRADESSO TAMBEM A TODOS OS MEUS INIMIGOS.



-------------------
REPORTAGEM
-------------------

Reportagem 11 de maio de 2009

Reportagem publicada pelo Grupo Cnagitos falando sobre a nova formação do grupo e a apresentação do grupo que retorna a cidade de origem no VII festival de Inverno de Cerro Corá/RN.
http://www.cnagitos.com/cordel_pauquebrado.htm


Repostagem 2008
Revista Preá onde retrata o grupo como um dos que mais se destacaram no ano 2008 na arte de cultura popular nordestina



Reportagem - 31 de outubro de 2007
Reportagem no diario de Natal, onde fala sobre apresentação de número 100 do grupo cordel do pau quebrado. Jornal para download http://pesquisa.dnonline.com.br/document/?down=20234

Reportagem - 23 de julho de 2007
Uma Reportagem completa do Cordel do Pau Quebra no Jornal é publicada em 23 de julho de 2007 no jornal " POTIGUAR NOTÍCIAS - http://www.potiguarnoticias.com.br/" Fazendo um relato completo sobre o nosso grupo" em Nome de Todos Que Fazem Parte do CORDEL DO PAU QUEBRADO OBRIGADO A VOCÊS DA REDAÇÃO DO JORNAL POTIGUAR NOTÍCIAS e em especial uma abraço forte igual a uma cirurgia da amorroida ao caro amigo Jornalista
Cefas Carvalho.
.
Reportagem - julho de 2007
O CORDEL DO PAU QUEBRADO se faz presente em mais um jornal dessa vez no CIRCULADOR circulador@rn.gov.br em destaque Origem do Grupo e Trabalhos Realizados. Em nome de Todos Que Fazem Parte do CORDEL DO PAU QUEBRADO OBRIGADO A VOCÊS DA REDAÇÃO DO CIRCULADOR e em especial uma abraço delicado igual procurar penico no escuro ao caro amigo Jornalista Cefas Carvalho.